CNT analisa acidentes rodoviários

Documento da Confederação aborda questões como policiamento, infraestrutura e custo econômico



A nova edição do boletim Economia em Foco, da Confederação Nacional do Transporte, divulgada nesta semana, analisa questões relacionadas aos acidentes rodoviários no Brasil, indicando a necessidade de melhorar a fiscalização, o policiamento e o investimento na infraestrutura de transporte.

O material mostra, por exemplo, que acidentes em trechos rodoviários com sinalização péssima têm grau de severidade duas vezes maior do que os ocorridos em locais onde a sinalização é considerada ótima.

Também revela que, entre 2009 e 2019, a quantidade de multas aplicadas pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) cresceu 93,1%, ao passo que, no mesmo período, os acidentes com vítimas caíram 8,4%.

Outro dado trazido pelo boletim diz respeito ao custo econômico dos acidentes rodoviários. De 2009 a 2019, foram gastos R$ 156,06 bilhões com acidentes. O documento também destaca a importância do trabalho de fiscalização realizado PRF nas rodovias brasileiras.



Por Agência CNT de Notícias

Comente!